sábado, 22 de setembro de 2007

Cocó no poder público

Um pedido de apoio feito pelo movimento SOS Cocó à Organização dos Advogados do Brasil (OAB) dá um respaldo mais amplo à luta pelo Cocó na cidade. Durante reunião da Comissão de Direitos Humanos da organização, na segunda-feira, dia 17, o grupo ambiental foi informado da aprovação por unanimidade do pedido de apoio.

Com isso, a OAB/CE se compromete com a realização de audiências públicas, debates, notas na imprensa e ações judiciais com o objetivo de solucionar os graves problemas de agressão ao meio ambiente em Fortaleza. Tais agressões constituem violação dos Direitos Humanos Fundamentais, assim como da Constituição Federal, que no artigo 225 diz que “todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida (...)”. E como este mesmo artigo continua logo em seguida: “(...) impondo-se ao Poder Público e à coletividade o dever de defendê-lo para as presentes e futuras gerações”.

*
Dois projetos de Ações Civis Públicas seguiam no Ministério Público. Uma delas, no Estadual, que foi discutida no dia 11 de setembro na Procuradoria Geral da Justiça e era diretamente contra a torre do Iguatemi era ainda Procedimento Administrativo e foi arquivado na Promotoria do Meio Ambiente; o outro Procedimento ainda tramita.

*
O COMAM (Conselho Municipal do Meio Ambiente), desde os momentos de fortes emoções e contradições da reunião de agosto, praticamente desapareceu até o dia 19 de setembro, quando foi realizada a 34ª reunião mensal. A pauta constou de informes, apresentação e aprovação da ata da 32ª Reunião Ordinária (ou seja, a anterior à reunião das revelações) e apresentação do Programa de Requalificação Urbana com Inclusão Social – PREURBIS (que envolve áreas ao longo do rios Cocó, Maranguapinho e Vertente Marítima, além de um projeto de reurbanização para a Praia de Iracema).

* * *

Importante lembrar da manifestação amanhã: Corrida do Iguatemi CONTRA a Natureza. O shopping organizou uma corrida que se chama, por incrível que pareça, "Corrida Iguatemi - entre em ação com a natureza", que ainda contará com Daniela Cicarelli conduzindo o evento. Depois das propagandas "Verdeverdade", que praticamente afirmavam que a empresa que havia feito surgir toda a área verde que hoje é parque, agora vem esse outro apelo de autopromover uma imagem de "amigo do verde".

A manifestação, que será como sempre pacífica, acontecerá às 7h30 no cruzamento da avenida Antônio Sales com Engenheiro Santana Jr. Compareça!

10 comentários:

norton disse...

vcs correram nús?

NORTON LIMA JR disse...

sério?

Ranna disse...

De parabéns pela bela iniciativa! Participei de longe, estava belo a performance.

Ricardo disse...

Ótimo protesto, mas cadê o seu registro? Onde estão as fotos, as matérias na imprensa? É preciso divulgar mais o ocorrido. Parabéns pela ousadia.

Ranna disse...

Protesto contra a torre da discórdia: nudistas roubam a cena da Corrida Iguatemi-Cicarelli
Norton | Sem Categoria | Domingo, Setembro 23rd, 2007
A “Corrida Iguatemi”, com direito a Daniela Cicarrelli, terminou em vexame geral. Não sei quantos, mas vários atletas conseguiram correr nu em ato-protesto contra a horrenda torre empresarial que será construída, assim como foi construído o Iguatemi, na faixa do ecótono do Cocó, e que vai, sobretudo, ajudar a aumentar a barreira contra o agradável vento nascente, brisa que beija e balança os bairros Aldeota, Meireles, Dionísio Torres, por exemplo.

A largada foi às 8h. A corrida seria no estacionamento e nas trilhas naturais que o Deus Iguatemi assim diz que criou. Conforme croqui, distância de 6 km em no máximo 110 minutos, inscrições limitadas a 2 mil participantes. Premiação: total de R$ 7,4 mil em vale-compras. Os deficientes físicos, em um shooping onde o cadeirante não tem vida fácil, ficaram de fora.

Ainda estou esperando as fotos. Várias equipes de reportagem, até mídia nacional, estava por lá. Não sei se teve gente ferida…

O pessoal que realizou o evento, Stark Assessoria Esportiva e 77 Eventos, devem ter ficado no prejuízo dos chips eletrônicos usados para a cronometragem oficial da prova. Os chips, sublinhava até de forma rude o regulamento, “deveria ser devolvido imediatamente após a prova, em perfeito estado de conservação, caso contrário, o participante teria que pagar R$ 80 ou ficar de fora do cadastro da Federação Cearense de Atletismo…”
postado: http://www.blogueisso.com/norton/

Anônimo disse...

Bom, pelo que sei o SOS Cocó estava com uma torre no cruzamento, não foram eles que fizeram o protesto ousado , mas o grupo Radical e a frente ecológoa

Aníbal disse...

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em nome do Movimento SOS COCÓ, gostaria de indicar à tod@s que nós NÃO TIVEMOS PARTICIPAÇÃO na manifestação que trata o Jornal O POVO de hoje, onde integrantes de outras Entidades que também atuam na DEFESA DO COCÓ, tiraram a roupa como forma de protesto. Estávamos sim, no cruzamento da Av. Antônio Sales com Eng. Santana Jr, promovendo manifestação de cunho pacifista e de divulgação da causa.

Atenciosamente;

Aníbal Bastos.
SOS COCÓ

Juliana disse...

Gostaria de parabenizar a galera do Crítica Radical e do Bloco Verde que marcaram a história do Ceará com o protesto da nudez. É isso aí, gente!!!!! Vamos desmascarar essa palhaçada do Tasso e barrar a destruição do planeta! Parabéns!!!!!!!!
O SOS Cocó tava era no cruzamento da Av. Antônio Sales com Eng. Santana Jr. Não foi ele que fez o protesto na largada da corrida.

Virgínia disse...

Valeu galera!!!!!! Vi no Jornal O POVO e a minha professora disse que vão ter outros... Eu também quero protestar!!! Achei massa a história da nudez!!
Abração para a galera do Bloco Verde e do Crítica Radical!!!! Vcs foram demais!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Só pra esclarecer... a forma de protesto pela nudez também tem cunho pacifista, tendo em vista que está fundada no princípio da não violência. A única margem de violência que existe em atos de desobediência civil desta natureza é o fato do constrangimento moral que se atribui a/os organizadora/es do tal evento (um ato de cinismo, com traço de espetáculo). TEM QUE CONSTRANGER MESMO... SALVEMOS A NATUREZA DA SANHA CAPITALISTA !!!